Faltam 4 dias para dia de bazar!!

Da minha máquina está quase saindo fumacinha… quem manda deixar tudo para a última hora?

Estamos em contagem regressiva por aqui. Eu A.DO.RO dia de bazar…se não desse tanto trabalho organizar acho que faria um por mês!

Se você ainda não conhece os expositores desta 2a edição, dá uma olhada nos links abaixo.

Bello Piatto (comidinhas)

Daniela Fasolo (quilts e costurinhas)

Portfólio Ideias (lembrancinhas e afins)

Ana, Regina e Lina (Ceramistas)

Handmade Love (Costurices)

Cor em fios (Crochê)

Outros retalhos (Costurices)

Se estiver por aí no sábado, passa lá pra tomar um café!

one week Convite_Bazar_Manualidades_baixa

Bazar Manualidades – 2a edição!

É isso, mesmo! Ele voltou. A 1a edição foi tão bacana, que já organizamos mais um. Desta vez, pertinho do dia das mães. Com a mesma proposta: somente produtos 100% artesanais. Porque feito à mão é muito amor!!

Você é de São Paulo? Passa lá! E aproveita para tomar um café com esta que lhe escreve…

Save the date!

Páscoa craft

Datas comemorativas costumam inspirar presentes crafts por aqui. Olha só o que passou pelo ateliê esses dias…

Fazia um tempão que eu não fazia mug rugs, que eu a.do.ro!! Estas, junto com canequinhas recheadas de bombons viraram presentinhos especiais. Para acompanhá-las fiz essas etiquetas que explicam o que é uma mug rug. Quer etiquetas para acompanhar suas mug rugs? Baixe o arquivo, aqui: Mug rug tag.

DSC00456 DSC00457 E, para as crianças, jogos americanos com guardanapos de pano.

DSC00476 DSC00469 DSC00463O bolo é de cenoura. Receita tradicional da cultura Amish, segundo a revista Patch e Afins, onde vi essa receita uma vez. Segue abaixo, com pequenas modificações, pois estamos evitando farinha de trigo aqui em casa.

Bolo de Cenoura

Bata na batedeira:

1/2 xícara de açúcar

1 xícara de açúcar mascavo

1/2 xícara de óleo

4 ovos

Misture a essa massa:

2 xícaras de farinha (eu usei 1 de farinha de aveia e 1 de farinha de arroz)

1 colher chá de canela

1/ colher chá de nóz moscada

1/2 colher chá de bicarbonato

2 colheres chá de fermento em pó

Por último, acrescente 3 xícaras de cenoura ralada (2 cenouras grandes)

Pode-se acrescentar também castanhas e passas, se quiser.

Assar em forma untada, em fogo baixo, por aproximadamente 40 ou 50 minutos.

Para a cobertura e recheio basta misturar:

300 g de cream cheese

1 colher sopa de essência de baunilha ou suco de laranja

8 colheres sopa de açúcar de confeiteiro

Elefantes

DSC02802Tudo começou com este. Feito com um dos pijamas favoritos do B, quando não servia mais, numa tentativa de preservar as lembranças e transformá-lo em um companheiro de soninho. O molde é do livro Last Minute Patchwork + Quilted Gifts, de Joelle Hoverson. Post completo aqui.

Ano passado, o grupo de 5 anos da escola onde trabalho precisava de um elefante de retalhos para um trabalho que acontece todo ano nessa série a partir da leitura do livro Elmer, o Elefante Xadrez. Em uma busca no Pinterest encontrei no blog Birch o molde deste que parecia mais uma almofadinha. DSC09851 Resolvi fazê-lo todo liso, com quadradinhos coloridos de tecidos e velcro a parte para que os alunos pudessem mudar o design das cores como desejassem. DSC09852 A turma deste ano também precisava de um elefante para o mesmo projeto. Desta vez, acabei de ganhar um livro com moldes de vários bichinhos, dentre eles…um elefante xadrez! Feliz coincidência. 4 - IMG_30657 - IMG_3068 Molde deste livro: DSC00454 Nunca tive uma predileção por elefantes. Mas tem algo de muito fofo em elefantes de tecido que simplesmente os torna a escolha da vez. E você? Qual seu bicho de tecido favorito?

galeria de fotos

Mês que vem este blog completará 9 anos…

Para celebrar, criei uma galeria de fotos. São minhas favoritas dos últimos anos. O link é este abaixo, mas trata-se de uma página fixa aí em cima, no cabeçalho.

galeria de fotos outros retalhos

Então, isso também significa que mês que vem é mês de comemorações! Acho que teremos novidades por aqui!

Aguarde…

o que é belo pra você?

Tenho pensado muito nisso ultimamente: o que constitui o que achamos belo? Mais ainda, penso, em que medida o processo criativo inclui ou exclui as ideias de beleza de seu criador? Em que medida o que “faz bem aos olhos” está intimamente ligado à beleza?

Hoje, especificamente, não estou pensando sobre costura. Mas sobre decoração, outra paixão. Mexer e remexer nos cantos de minha casa é quase um vício. Só acho que “vício” não é a palavra certa, pois geralmente tendemos a tentar controlar vícios e, neste caso, me permito total descontrole!

Quando nos mudamos para este apartamento o quarto que viria a ser o quarto do B era assim.

DSC04598Apesar dos armários em bom estado, eu via nele vários problemas: muito armário para um menino de 4 anos e meio, pouco espaço para brinquedos e para brincar, pouco espaço de parede para colocar o que quisermos e usarmos cores, projeto de marcenaria “desinteressante”… Era, basicamente, um quarto que eu assim, de cara, descreveria como…feio…Tirei tudo! Optei por móveis “avulsos”. Não fixei nada nas paredes que não pudesse facilmente ser substituído ou trocado de lugar. Não conseguia pensar no quarto de um menininho de 4 anos como um quarto estático, que o acompanharia por anos e anos sem mudanças…

DSC04649DSC04650Fui sutil com a nova cor das paredes, um pouco de medo de errar…misturei móveis brancos com madeira para dar mesmo uma ideia de que texturas e cores diferentes caberiam nesse novo espaço e mudei os móveis de lugar algumas vezes até chegar no jeito que deixaria o quarto mais funcional, mas visualmente agradável e com a cara de um menininho de 4 anos.

DSC04682Não busquei inspiração em revistas, não optei por um quarto temático, não pensei em uma paleta de cores determinantes. Não “cobri” todos os espaços com objetos decorativos. Queria que fosse se constituindo como o quarto do B a medida que ele o usasse, que descobríssemos as melhores maneiras de armazenar os brinquedos, que ganhasse desenhos nas paredes e que seus livros ficassem à mão. Aos poucos fomos juntos incluindo prateleiras e pequenos moveizinhos, caixas e baldes para organizar brinquedos, investindo em cortinas e roupa de cama que agradassem o dono do quarto.

Mês que vem faz 3 anos que mudamos. E o quarto do B não para de se renovar para abrigar os interesses dele. Acaba de ganhar cores novas nas paredes (acqua, a favorita dele), novas cortinas e um mapa mundi para um pequeno que anda mega curioso a respeito de onde ficam os países desse mundo gigante.

DSC00414DSC00417DSC00419E vejo beleza em tudo isso: na desorganização dos brinquedos quando estão “sendo brincados”, na quantidade de caixinhas aqui e ali, nas diferentes cores que são bem-vindas, nos eventuais desenhos presos nas paredes até que a fita crepe perca a cola ou que as bordas fiquem tão amassadas que precisem ser substituídas, na roupa de cama, tapete ou cortina que nem sempre combinam entre si ou com o resto do quarto…

Será que é o belo que “faz bem aos olhos”? É o belo que salta aos olhos e nos faz cair de amores? Será?

Caio de amores pelo quarto do B… E você, pelo que cai de amores?

Bom fim de semana para quem passa por aqui.

pano para presentear

Acho uma delícia costurar para presentear. Estes presentinhos saíram do atelier aqui de casa há pouco…

DSC00358

Bolsas Lickety Split Bag são super versáteis. O molde é do blog Made by Rae. Já o tenho há tempos e fiz várias, como esta e esta. Este é um molde pago, mas se fizer uma busca no pinterest ou google por “sling bag tutorial” vai encontrar alguns modelos similares e gratuitos.

DSC00368Não é um charme esta bolsa-saco para acomodar e carregar por aí seus projetos crafts? A amiga que já se rendeu às agulhas e linhas também pode adorar uma dessa de presente. Vai por mim! Tenho outras 2 já cortadas… O molde e tutorial você encontra no blog Very Shannon. Gratuito! Procure por Box tote pocket pattern.

DSC00321Os estojinhos para guardar canetinhas também podem ser um presentinho bem querido. Fiz em tecido uma réplica (praticamente) do estojo de plástico onde as canetas vem.

DSC00319

As estampas, o tecido, dão um up, não dão? Deixam muito mais interessante. Tecido faz isso…

E, por falar em dar um up, olha só como os talheres foram para a mesa no natal… (inspiração no pinterest) Não conseguimos guardar para o próximo ano, todo mundo quis levar seu porta-talher para casa…

DSC00363A costura transforma. Os tecidos atribuem cor e textura. E você, também é fã de presentear com o aconchego do pano?