Fall at Campos do Jordão

Inspired by Kumi‘s beautiful pictures I decided to start taking pictures of what I like most when I travel – natural life. Two weekends ago we went to Campos do Jordão, a small town here in the state of São Paulo, about 2 hours away from São Paulo (the city), where I live. The town is close to the mountains (or hills) and therefore the temperature over there is always lower than in here. Usually people go there looking for cold weather, hot drinks (like hot cocoa), good chocolate and the pleasure of walking around a very cute small town. Here are some of the things which have made my new hobby (taking pictures) so much fun while we where travelling.

Inspirada pelas lindas fotos da Kumi, decidi há pouco tempo começar a fotografar o que mais gosto de apreciar, especialmente quanto viajo: natureza. Há duas semanas fomos a Campos do Jordão, para quem não conhece uma cidadezinha que fica na serra, há umas 2 horas aqui de São Paulo. Como a maioria das pessoas que vão até lá nessa época do ano, fomos atrás de frio, boa comida e bebidas quentes, CHOCOLATE e o prazer de passear por uma cidadezinha pitoresca. Seguem algumas das coisas que me chamaram atenção e com as quais pude praticar meu novo hobby: fotografar.

The smallest flower we saw.

A menor florzinha que encontramos.

We were up on a hill called Morro do Elefante (translating: Elefant Hill) and down there is Campos do Jordão.

Campos do Jordão visto de cima, do Morro do Elefante.

Knitting items are a tradition there. Mostly clothing, but aren’t these dolls so very cute?

O artesanato local é basicamente tricô. Principalmente roupas. Mas não aguentei essas bonequinhas. Lindas, não?

This leaf is the symbol of the city. And deserves the title…

Esta folha é o símbolo da cidade. E merece ser…

Another cute one.

Outra florzinha fofa.

Anúncios

2 comentários sobre “Fall at Campos do Jordão

  1. Patrícia, querida, Campos do Jordão é uma das cidades que considero “quintal de casa”, além da cidade de Paraty, no RJ, Todos os anos vou para lá, mas como o frio atrai muita gente, prefiro ir à Campos em meados de Novembro(se vc aina não foi, vá). As hortências começam a florescer, as margaridas, até no mato, já estão todas floridas. De dia faz um calorzinho , e a noite, esfria, mas é aquele frio mais ameno. Com relação as fotos somos bem parecidas, não me dê uma máquina na mão, senão… tenho uma foto na época de Novembro que um buquê de hortência era maior do que minha cabeça…. rsss… isto se o prefeito não resolver podar os pés de hortência ou os plátanus (é assim que se escreve? não sei! …as árvores que rodeiam toda a rua da estrada de ferro)… Novembro que me espere! Já pensou, nós, quilters, em uma convenção de patch em Campos??? Que chique não??? Rss… beijos pra vc!

    Curtir

  2. Sabe que pensei nisso… um retiro de patchwork com aquele friozinho e paisagem seria um sonho!
    Também não conheço Parati, mas estamos planejando uma viagem para o fim do ano pra lá!
    Beijo.

    Curtir

Os comentários estão desativados.