é 2013

E este ano não fiz balanço do ano que passou, não criei listas de resoluções, não decidi começar uma dieta ou poupança no primeiro dia do ano, não participei de uma grande festa ontem à noite, não fiz brinde à meia-noite. Por que? Já se perguntou por que assumimos que precisamos resolver por mudanças em nossas vidas e celebrá-las coletivamente com data e hora marcadas?

As mudanças acontecem e têm início quando as desejamos e estamos prontos para elas. Elas não acontecem no dia 01/01 ou no ano novo mesmo que você coma caroços de uvas, pule ondinhas, jogue flores para Iemanjá. A menos que as busque. E tudo isso parece tão sem sentido depois de tantos “inícios” que tenho vivido, que nessa virada de ano meu único desejo é que tudo permaneça como está. Exatamente como está.

Ontem jantamos, fiz uma sobremesa nova, jogamos alguns jogos e fomos dormir razoavelmente cedo. Acordei quase meia noite com o barulho dos fogos, que levantei para ver. No apartamento novo temos uma visão privilegiada da região e pudemos acompanhar fogos vindos de diversos pontos diferentes. Acordei o B para ver também, achei que ele não ia querer perder. E é isso que eu quero dizer com deixar tudo como está: sem grandes planos, abrindo espaço para nos surpreendermos com o que a vida nos oferecer. Um show de fogos de artifício, da janela de casa, vestindo pijamas e sem nenhum compromisso, por exemplo.

Quanto às organizações de ano novo, já providenciei pastas novas no meu hardrive para armazenar arquivos do novo emprego, outra para fotos HOME e outras para fotos PATCH, uma vez que organizo tudo isso por ano e dentro de ano, meses ou assuntos. E também providenciei uma agenda e caderno novos. Me considero, assim, pronta para zerar o marcador.

Bem-vindo janeiro, um mês que adoro.

Falando em inícios, li um texto que recomendo muito, da Eliane Brum, aqui. Aliás, adoro quase tudo o que ela escreve.

E preciso mostrar a minha agenda deste ano, que providenciei no Ateliê Primeiro Rabisco.

DSC06141 DSC06142

Anúncios

4 comentários sobre “é 2013

  1. Pingback: 2014 e o vasinho novo | outros retalhos

  2. Pingback: pra quem passa por aqui… | outros retalhos

Os comentários estão desativados.